Projeto Viva o Cinema


POST
O Centro Afro Carioca de Cinema realizará o “VIVA O CINEMA”, prêmio da RioFilmes, onde faremos o uso do acervo de filmes dos Encontros de Cinema Negro Brasil-África- Caribe, Zózimo Bulbul, a preservação da memória, a organização de entrevistas de Zózimo Bulbul.
 
Acreditamos que as expressões culturais de raízes populares, são responsáveis pelas formas mais contemporâneas de transformação e neste momento político tão forte e caótico que passamos em nosso país, onde nossas conquistas se vêem ameaçadas, trazemos o Empoderamento das Mulheres que assumiram as atividades do Centro Afrocarioca de Cinema desde 2013.
 
Queremos também focar em nossa primeira mostra específica sobre: “Olhares Femininos no Cinema Negro”. Olhar este que vem sendo traçado ao longo dos Encontros de Cinema que acontecem desde 2007 sob a curadoria de Zózimo Bulbul (2007 á 2012) e de Joel Zito Araújo (2014 e 2015).
 
Desta forma, ampliamos a divulgação de filmes africanos, incentivamos o intercâmbio cultural nacional e internacional entre os jovens que participam dos nossos projetos e frenquentam nosso Ponto de Cultura, assim como o público em geral.
 
O Centro Afrocarioca de Cinema hoje, conta com as presenças femininas de:
Presidência: Léa Garcia
Direção Executiva: Biza Vianna, companheira de Zózimo e responsável junto a ele pelos projetos desde 2007
Produção: Clarisse Miranda
Consultoria: Janaína Refem, Viviane Ferreira, Ruth Pinheiro, Cátia Cruz, Fátima Souza, Ana Maria Pereira
Administração: Adriana Nunes
Assessoria: Rozangela Silva e Ana Beatriz Arraes, Bia&Ro Assessoria
 
Cineastas Brasil: Viviane Ferreira, Janaína Refem, Carmem Luz, Sabrina Fidalgo
Cineastas EUA: Yoruba Richen e Talibah Newman
Cineastas África: Hermon Hailay (Etiópia), Apoline Traore (Burkina Faso)
 
Participantes em debates e apresentações de:
Janaina Oliveira
Vilma Neres
Adriana Baptista
Maria Gal
Bieta Rodrigues
 
Rua Joaquim Silva, 40 – Lapa/Centro – Rio de Janeiro
Facebook: https://www.facebook.com/EncontrodeCinemaNegroBrasilAfricaeCaribe/?fref=ts
 
Participante na culinária afro-brasileira: Maria Julia Ferreira, da Angurmê
 
Homenageamos também as mulheres que foram e serão sempre muito importantes nesta caminhada, como:
Naira Fernandes
Vanda Ferreira
Monalisa Alves
Vania Lima
Luana Páscoa

Comments: 1

  1. Por Valmiria Guida 29 mai 2016 at 19:48 Reply

    Uma grande felicidade, que descobrir a mostra Olhares Femininos no Cinema Negro. Vou esta lá.

Leave a Comment!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *